segunda-feira, 5 de outubro de 2015

[Livro] Gaian, o Reinício - Cláudio Almeida

Olá, pessoas!
Hoje o papo é livro!

Gaian - O Reinício:

Autor: Cláudio Almeida
Série: A Saga do Infinito #1
Edição: 1
Editora: Novo Século - Talentos da Literatura Brasileira
Ano: 2015
Páginas: 337
Sinopse: Gaian - o Reinício é uma fantasia épica e narrará os últimos acontecimentos da 7ª Era daquele mundo que revelaram o nascimento de uma guerra, a queda do grandioso Reino do Norte e o reaparecimento dos guerreiros sagrados, um grupo destinado a combater o mal que trará, a cada povo de Gaian, desespero, dor, pavor e morte e deseja acima de tudo a destruição. Quais escolhas devem ser feitas? O que importará mais? A força ou a sabedoria? Quais serão os caminhos dos guerreiros sagrados diante dos desafios? Haverá ainda espaço nas almas para a esperança?

Seja bem-vindo(a) a Gaian - o Reinício. Um livro sobre perdas, poder, pureza, vingança, aprendizado, medo e sobretudo crescimento. Um livro onde o passado, o presente e o futuro se encontrarão para formar o destino.

"A escuridão avança, e qual destino os homens escolherão? A força indomável do espírito, a eterna espera do medo ou a traição velada da ganância? Eu já fiz a minha escolha! Eu farei o meu destino!"

Este texto é livre de spoilers!

Gaian - O Reinício retrata um mundo fantástico, dotado de magia e seres míticos. De tempos em tempos, em momentos de guerra, foi profetizado que guerreiros sagrados voltariam e combateriam o mal. No livro, há foco em Arffek e Brisrar, dois desses grandes guerreiros, mostrando os caminhos e percalços de seus destinos.
Logo no prólogo, já há uma grande batalha entre paladinos e lobisomens, mostrando a queda de Eldor, capital do Reino do Norte. Logo depois a história em si começa.

O livro é pura fantasia, bem no estilo Tolkien ou C. S. Lewis, e vai agradar muito os fãs do gênero, assim como eu. Cláudio explora muito bem uma nova mitologia, há vários personagens, lugares e relatos sobre a história de Gaian. É tudo muito bem detalhado, o que pode ser cansativo para alguns leitores, mas quase necessário por causa desses pormenores. Facilmente se vê, durante a narrativa, um jogo ou uma animação sobre Gaian.

"Posso ver a tempestade no horizonte e sentir toda sua força. Ouço ruídos estrondosos no céu. É a vida lutando contra a morte. São aqueles que combatem os terríveis - implacáveis e cruéis - que os desafiam com raios e tormentas. Eis nobres guerreiros - livres e heróis - que carregam o ideal e a força em seus corações."

O que me chamou a atenção no livro é Arffek, um dos personagens principais. Ele é um dos guerreiros sagrados, extremamente habilidoso e dotado de grande capacidade em magias. Sendo assim, se espera aquele personagem clichê, que faz o bem sem olhar a quem, cheios de boa intenção. Nobres cavalheiros (Particularmente eu os chamo de bundão, mas cada um é cada um). Acontece que aqui não é bem assim. Arffek é um rapaz amargurado e enfurecido, que em várias ocasiões se deixa levar pelo calor da batalha ou pelos sentimentos advindos do passado. Ponto pro livro. Os outros personagens também são bons, bem caracterizados, cada qual com sua personalidade.

O livro é cheio de ação. Várias batalhas com boas lutas, uso de magias, lobisomens e cabeças voando. Eu amo isso! Outro ponto positivo é que simplesmente não dá pra saber o que vai acontecer. Nada aqui é previsível. Nem nas batalhas nem no que acontecerá na trama em si. O autor consegue prender o leitor nos acontecimentos, instigando-os para saber o que acontecerá depois. Em compensação, as lutas tendem a serem longas, ainda que dinâmicas.

  

Este livro é o primeiro de uma série, portanto introdutório. O fim é bem aberto, mesmo sendo a conclusão desse ciclo que é o início da guerra e a volta dos guerreiros sagrados. O final do livro é pura adrenalina. Duas lutas vão acontecendo, narradas paralelamente. É emocionante.

A edição é belíssima. Uma linda capa com orelhas, folhas grossas e amareladas, ilustrações no início dos capítulos e no fim do livro há um apêndice com personagens, lugares, magias e até um mapa. Se há algum erro de português, me passou despercebido. Os capítulos são muito grandes, o que me incomodou um pouco.

Em suma, um baita de um livro. Ótimos personagens, trama bem presa e imprevisível. Ação do começo ao fim e, mesmo assim, Gaian não é uma obra rasa, muito pelo contrário. Consegue aprofundar nos sentimentos de cada criatura presente no livro. Preciso urgente desse volume dois. Mais uma grande obra para a literatura brasileira.

Nota: 5 Canecas de Hidromel


Sobre o Autor:


Cláudio Manoel de Almeida tem 39 anos e nasceu em Brasília. Desde cedo, ele se interessou por ideologias, simbologias, ciência, religiões e mitos. Foram os filmes, no entanto, que o levaram até o mundo de Gaian. Uma história iniciada em uma tarde de 2005 e terminada em meados de 2010. Desde então, Cláudio se dedica a histórias de fantasia e ficção científica (suas maiores paixões literárias).

Gaian, o reinício é fruto da admiração de Cláudio pela criatividade e imaginação, os mais potentes combustíveis do ser humano, pois sonhos nos fazem, os sonhos nos tornam humanos.

Mais informações sobre o livro: Facebook | Skoob

Até mais, e obrigado pelos peixes.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

8 comentários:

  1. Geentee, eu amo livros assim, são meus preferidos, muito obrigada pela dica, amei, estou te seguindo, bjos.

    https://yuugracindo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também amo livros assim!!
      Que bom! Vou lá conhecer o seu!
      =D

      Excluir
  2. Oi, a premissa do livro me conquistou, a edição está linda *u* Adorei a resenha.
    Abraços
    http://litaralmentelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Kaio. Confsso que não sou muito fã de fantasia mas algumas me despertam curiosidade e eu acabo me surpreendendo com a leitura. Gostei bastante da premissa desta obra ainda mais sendo bem o estilo dos autores clássicos do gênero. Gosto de séries, porem ultimamente com tantas leitura eu tenho evitado livros assim :( ou em alguns casos que cada livro tem uma história fechada da para acompanhar com mais facilidade. Já me vejo terminando a leitura deste livro e brava comigo mesma por ter começado rs
    Beijos
    SIL | Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Silviane!
      Ah, eu recomendo essa leitura, mesmo para os não fãs de fantasia. Pela profundidade que os personagens tem vale a pena!
      Pois é, eu tô com um monte saga em aberto! Bate um desespero xD
      Bjo!
      =D

      Excluir
  4. Sou muito fã de fantasia e estou louca para que o meu livro chegue logo para poder lê - lo. Sua resenha só me deixou com mais vontade, rs!

    Beijos, e amei o seu blog, estou seguindo!

    http://sweetlikecaramel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que você goste tanto quanto eu! Vou ficar de olho lá no seu blog, quero ver a resenha!
      Bjo!
      =D

      Excluir

Faça um blogueiro feliz deixando seu comentário!
Obrigado pela visita, volte sempre!
Caso tenha um blog, deixe o link para que eu retribua a visita!