quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

[Livro] A Chama da Esperança, A Princesa Renegada - M. V. Garcia

Olá, pessoas!
Hoje o papo é livro!

A Chama da Esperança - A Princesa Renegada:

Autora: M. V. Garcia
Série: A Chama da Esperança #1
Edição: Beta
Ano: 2016
Sinopse: Movidos pelo preconceito, pela sede por poder e pela perda, humanos e feiticeiros eram inimigos desde os primórdios de Yuan, gerando guerras e destruição.

Durante uma terrível guerra, que ficou conhecida como a Grande Guerra de Willford, Kaira perdeu o seu lar e sua família. Quando uma nova guerra se inicia, ela não faz ideia do que está por vir, mas a jovem feiticeira recebe a difícil tarefa de reunir os cinco clãs de feiticeiros da nova República em um único e poderoso exército. Será que ela vai conseguir?

Em uma aventura que percorre as planícies de Ghennas, a montanha gelada de Liore, os desertos de Rockaxe e as margens do rio Armon, Kaira, seu melhor amigo Garo e dois companheiros mais do que improváveis descobrem que há muitos segredos que alimentaram o ódio entre os dois povos.

"Os humanos dos quais ouvi falar não são muito diferentes de monstros; mas pra eles, os monstros somos nós."

Este texto é livre de spoilers!

Kaira é uma feiticeira do fogo que se tornou órfã ainda bebê, por causa da Grande Guerra de Willford, em que os humanos começaram uma caçada contra os feiticeiros. Após 15 anos, Kaira se vê em meio a uma nova guerra. Ao lado de improváveis amigos, a garota descobre coisas sobre seu passado e busca unir os feiticeiros.

Fantasia pura, com direito a magias, criaturas fantásticas e todo um novo mundo. Com fortes influências de RPG, animes, mangás e afins, o primeiro livro de A Chama da Esperança, empolga e encanta.

O grupo de personagens principais, que vão se encontrando e se juntando conforme o desenrolar da história, ao estilo de qualquer bom jogo de RPG, cativam o leitor. São diversos tipos de personagens, cada qual com sua peculiaridade, que ajudam tanto a prender o leitor, como embelezar ainda mais a história. A Princesa Renegada é um livro de fantasia, mas além de retratar a vida dos feiticeiros, também tem como tema a amizade.
Há dois países de grande participação na história, Willford, povoada por humanos, e a República, povoada pelos feiticeiros que migraram de Willford na Grande Guerra. A República é dividida em 5 regiões, Fogo, Água, Terra, Trovão e Ar, habitadas pelos feiticeiros correspondentes. O livro mostra com cuidado as regiões que fazem parte da história e sempre narra curiosidades sobre elas, contando eventos históricos.

O livro é cheio de ação e reviravoltas. Não pisque! Boas partes com lutas de exércitos se digladiando com espadas e magias. Os acontecimentos são inesperados e fica difícil prever o que vai suceder, o que sempre instiga o leitor  a querer continuar lendo.
O final é alucinante! Infelizmente para esse que vos fala, o fim é aberto, pois esse é o primeiro livro, o que me fez roer todas as unhas disponíveis, tentando imaginar o que acontece depois.

A escrita da autora ora preza pela descrição física de personagens e lugares, ora narra o passado de personagens e eventos. É algo até comum em livros do gênero e não fica cansativo. Há um excesso de advérbios, mas vale lembrar que a versão lida é a beta. A versão final do livro está em pré-venda pela Arwen e, obviamente, passou por uma revisão mais apurada.

Em suma, um ótimo livro de fantasia, que instiga e cativa. Escrita bem descritiva com uma história criativa, que fará qualquer amante do gênero se apaixonar.

Nota: 4,5 Canecas de Hidromel


Como dito, o livro está em pré-venda na Arwen e vocês podem conferir a capa oficial na imagem a seguir, com as informações oficiais:

Título: A Chama da Esperança - A Princesa Renegada
Autor: M. V. Garcia
Gênero: Romance / Ficção
Ano: 2015
Idioma: Português
Páginas: 381
ISBN: 978-85-68255-00-9
Acabamento: Brochura
Sinopse: Movidos pelo preconceito, pela sede por poder e pela perda, humanos e feiticeiros eram inimigos desde os primórdios de Yuan, gerando guerras e destruição.
Durante uma terrível guerra, que ficou conhecida como a Grande Guerra de Willford, Kaira perdeu o seu lar e sua família. Quando uma nova guerra se inicia, ela não faz ideia do que está por vir, mas a jovem feiticeira recebe a difícil tarefa de reunir os cinco clãs de feiticeiros da nova República em um único e poderoso exército. Será que ela vai conseguir?
Em uma aventura que percorre as planícies de Ghennas, a montanha gelada de Liore, os desertos de Rockaxe e as margens do rio Armon, Kaira, seu melhor amigo Garo e dois companheiros mais do que improváveis descobrem que há muitos segredos que alimentaram o ódio entre os dois povos.


Sobre a autora:

M. V. Garcia tem 26 anos. Assistente Administrativa, mora no interior do Rio de Janeiro. É formada em Artes Visuais e cursa atualmente Pedagogia. Conhecida também pelo pseudônimo Hidaru, é escritora, cosplayer, desenhista freelance e fã colecionadora de livros, videogames de RPG, animes e mangás. Sempre gostou de escrever histórias, fanfics e textos sobre a cultura nerd. A Chama da Esperança é seu livro de estreia no ramo profissional.


Facebook da editora | Facebook do livro



Até mais, e obrigado pelos peixes!
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

8 comentários:

  1. Olá!
    Sou fã de uma ótima fantasia! E como você disse, esse livro me parece cativante. O que me deixa com pé atrás são as descrições que você falou, um pouquinho demais me incomoda, sabe?
    Beijo!
    apenasumaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Sei sim! As vezes me incomoda também, mas vale a pena, é um bom livro e uma ótima fantasia!
      Bjo!
      =D

      Excluir
  2. Você como sempre escrevendo muito bem, e já faz um tempinho que não visito seu espaço.
    Gosto muito de fantasia, mas sabe que eu nunca joguei RPG e nem nunca li um mangá na vida. Então não sei bem o que esperar. Porém, pelas suas observações deve ser muito bom.
    Beijos!
    asassecretas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha! Muito obrigado!!!
      É verdade, precisa vir mais vezes! Eu fiquei um tempinho fora do blog também, só agora estou conseguindo manter a continuidade de postagens.
      É sim! Mesmo pra quem não familiarizado com tais assuntos!
      Bjo!
      =D

      Excluir
  3. Eis mais um livro que despertou minha vontade de ler. Aparenta ser frenético (na dose certa) e detalhado. Acho que o excessos de detalhes como personagens, lugares, ambientes, etc, só enriquecem a obra, principalmente pelo seu gênero. Curti pra caramba sua resenha!
    Obs.: Não sei como mas assim que abri o post e vi a capa do livro lembrei da Sakura Card Captors.

    Visite: Cantina do Livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, fico feliz que tenha gostado!
      É frenético mesmo! Cheio de reviravoltas.
      Ah, lembra mesmo! Tive esse mesmo pensamento vendo a capa!!!
      =D

      Excluir
  4. Ooi. Gostei do trabalho que a Arwen fez com a capa, ficou realmente bacana. A premissa do livro é super legal e mesmo sem entender/curtir nada de RPG eu achei interessante influenciar na obra. Beijos
    Sil - Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
  5. A princípio, por causa da capa, imaginei se tratar de uma mangá maior. Porém, sua resenha tirou todas as minhas dúvidas.
    Por gostar de fantasia, fiquei bem interessado pela obra. Ademais, todas as influências que a autora recebeu são bem positivas ao meu ver, o que me deixa ainda mais empolgado para a leitura.
    Vou tentar ler o livro.


    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de reinauguração. Serão quatro vencedores!

    ResponderExcluir

Faça um blogueiro feliz deixando seu comentário!
Obrigado pela visita, volte sempre!
Caso tenha um blog, deixe o link para que eu retribua a visita!